Contabilidade descomplicada para Profissionais Liberais

Se você é um Profissional Liberal e está cansado do “Contabilês’’, e quer entender a Contabilidade de um jeito descomplicado para Profissionais Liberais, esse artigo é para você!

Contabilidade descomplicada para Profissionais Liberais

O que é um Profissional Liberal?

Um Profissional Liberal é aquele profissional que tem formação acadêmica em determinada área, ou seja, uma formação obtida por meio de uma graduação.

Sendo assim, o Profissional Liberal também é registrado em um conselho de classe ou em uma ordem, como por exemplo a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

O Profissional Liberal pode atuar como Pessoa Física, com ou sem vínculo trabalhista, se quiser.

Além disso, se o Profissional Liberal quiser abrir uma empresa e atuar como Pessoa Jurídica, se quiser!

É muito comum confundir a ideia de Profissional Liberal com a de Autônomo.

Porém, o Autônomo é o profissional independente que atua sem precisar de formação acadêmica ou técnica, e nem registro em Conselho de Classe (como é o caso dos Profissionais Liberais).

No entanto, no caso dos Autônomos, a atuação é somente sem vínculo empregatício.

Ou seja, não há registro sob o Regime CLT, isso porque os autônomos são Profissionais Independentes.

A seguir, confira alguns exemplos de Profissionais Liberais e Autônomos para facilitar a sua compreensão.

Exemplos de Profissionais Liberais:

Exemplos de Profissionais Liberais
  • Dentistas;
  • Fisioterapeutas;
  • Médicos;
  • Médicos Veterinários;
  • Advogados;
  • Contadores;
  • Jornalistas;
  • Arquitetos;
  • Engenheiros;
  • Enfermeiros;
  • Psicólogos;
  • Corretores de Imóveis;
  • Entre outros.

Exemplos de Profissionais Autônomos:

  • Eletricistas;
  • Vendedores;
  • Babás;
  • Marceneiros;
  • Dentro outros.

Agora ficou fácil de diferenciar, né? Com essa listinha você pode entender melhor onde a sua profissão se enquadra, se como Profissional Liberal, ou então como Profissional Autônomo.

Profissional Liberal com CNPJ

Já parou pra pensar nas Vantagens de ser um Profissional Liberal que atua com CNPJ?

Pois é! São muitas e vou te contar um pouquinho sobre elas a seguir.

Abrir uma empresa pode ser muito vantajoso para um Profissional Liberal, e o número de Profissionais Liberais que escolhem abrir uma empresa vem crescendo a cada dia.

Sendo assim, uma das principais vantagens de abrir uma empresa é a Economia de Impostos!

Quando o Profissional Liberal atua como Pessoa Física, o IRPF pode chegar a 27,5%!

No entanto, como empresa, todos os tributos e impostos podem custar metade de valor.

Vale lembrar que também depende da atividade, Natureza Jurídica e Regime Tributário, mas é uma base e geralmente não foge muito dessas condições.

Quanto a isso, uma dica importante é sempre conversar com a sua Contabilidade de Confiança.

Contudo, a economia de impostos não é a única vantagem para um Profissional Liberal que resolve abrir uma empresa.

A facilidade para conseguir crédito bancário, é sem dúvidas, uma outra grande vantagem.

Além disso, hoje em dia o Profissional Liberal como empresa possui diversas opções de abertura de conta para Pessoa Jurídica.

Sendo assim, mantenha sempre o pagamento dos impostos sempre em dia para não perder essa vantagem.

Outra vantagem é que quando o Profissional Liberal atua como Pessoa Jurídica, a credibilidade também aumenta.

Isso porque como Empresa é obrigatória a emissão de Notas Fiscais, essa segurança com certeza gera mais credibilidade!

Profissional Liberal com CNPJ​

Qual a principal diferença entre Profissional Liberal Pessoa Jurídica e Pessoa Física?

Bom, a principal diferença entre um Profissional Liberal que atua como Pessoa Jurídica para um que atua como Pessoa Física, está no Pagamento dos impostos.

Como já mencionei anteriormente, um Profissional Liberal Pessoa Física tem impostos, na maioria das vezes, mais altos.

Apesar de pagar apenas IRPF e INSS, o valor dos dois juntos pode chegar até 27,5%.

Sendo assim, o IRPF é recolhido através do Carnê Leão, enquanto a contribuição do INSS é feita através da GPS (pelo site Gov.br).

A Contribuição do INSS varia de acordo com o tipo de plano que o Profissional Liberal optar.

Ou seja, pode ser 20% do valor do seu salário mínimo optando pelo plano de contribuição por tempo de contribuição e 11% optando pela aposentadoria por idade.

O IRPF, no entanto, utiliza-se uma tabela progressiva, onde a alíquota aumenta conforme o faturamento aumenta.

Além disso, o recolhimento do IRPF deve ser feito através do Carnê Leão (que é um meio de contribuir para esse imposto).

Afinal, como é feita a Contabilidade de um Profissional Liberal?

como é feita a Contabilidade de um Profissional Liberal?

O objetivo deste artigo é te mostrar como funciona a Contabilidade de um Profissional Liberal, mas de uma forma descomplicada!

Impostos

Sendo assim, tenha em mente que é indispensável ter o pagamento dos impostos em dia.

Atuando como Pessoa Física, o Profissional paga apenas o IRPF e INSS.

No entanto, quando se resolve abrir uma empresa, existem outras obrigações: IRPJ, PIS, ISS e o INSS que é obrigatório para todos.

Contudo, é importante te falar que não existe uma escolha melhor que a outra, sempre falamos que cada caso é um caso, é a sua situação deve ser analisada individualmente para entender se é mais vantajoso atuar como Pessoa Física, ou então como Pessoa Jurídica.

Regime Tributário

Como Pessoa Jurídica, é necessário definir um enquadramento para a sua empresa.

No Brasil, temos três Regimes Tributários: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real.

Para essa decisão também é indispensável o auxílio de uma Contabilidade Especializada para te orientar qual será a melhor opção.

Recibos e Notas Fiscais

Quando o Profissional Liberal decide abrir uma empresa, é obrigatório a emissão das notas fiscais de todos os atendimentos.

Do mesmo modo, quando Pessoa Física, deve fazer recibo de todos os atendimentos.

Lembre-se: Sonegação é considerado crime, e pode em multas e até prisão!

Por que preciso de uma Contabilidade de Confiança?

Bom, existem diversas declarações a serem entregues pelas empresas anualmente.

Algumas, por exemplo, são balanços, escriturações, DEFIS, DIRF, além da emissão das guias para pagamentos dos impostos.

Sendo assim, é obrigatório ter uma Contabilidade como Aliada do seu negócio.

Por outro lado, no caso dos Profissionais Liberais que atuam como Pessoa Física, não há obrigatoriedade, no entanto, apenas um Profissional Especializado saberá exatamente como te orientar para manter suas obrigações em dia.

A Attualize Contábil é Contabilidade especializada em diversas áreas!

Entre em contato clicando no ícone do WhatsApp e fale com um de nossos Especialistas.

Vem pra Attualize!

Por que preciso de uma Contabilidade de Confiança?​

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

15 − 1 =