• 19 de outubro de 2023
  • Juliana canavese
  • 2

Para atuar como profissional da área de estética, é necessário seguir as regulamentações e obter registro no Conselho de Estética. Conforme a legislação brasileira, os profissionais da área de estética podem optar por atuar como independentes ou registradores de uma empresa, utilizando o próprio CPF em seu registro no Conselho.

Escolhendo o Melhor Modelo de Atuação

Existem oportunidades interessantes para profissionais da área da estética em contratos CLT, mas muitos optam por atuar como independentes, buscando as vantagens de ter um CNPJ registrado. O MEI é uma opção para profissionais da área da estética que oferece benefícios semelhantes, como tributação simplificada e acesso a crédito.

Profissional Autônomo ou Pessoa Jurídica (PJ)?

Como saber se devo ser um profissional da área de estética autônoma ou pessoa jurídica (PJ)? Assim como para outros profissionais autônomos, é importante escolher o modelo mais adequado de empreendimento para obter vantagens fiscais e tributárias. 

A abertura de uma empresa pode ser uma opção interessante para reduzir a carga tributária sobre os ganhos, mas é fundamental buscar informações e orientações para escolher o melhor formato de empreendimento que aliie sua forma de trabalhar com um modelo mais adequado de tributação.

Explorando as Formas de Atuação

Existem diversas formas de atuação para um profissional de estética, tais como:

  • Atendimento clínico: oferece atendimento individual a pacientes em seu próprio espaço de estética.
  • Atuação em spas e clínicas: trabalhar em spas e clínicas, fornecendo tratamentos estéticos a pacientes internos ou ambulatoriais.
  • Atuação em salões de beleza: especializar-se em serviços estéticos em salões de beleza, oferecendo cuidados com a pele e cabelos.
  • Atuação em escolas: contribuir para o desenvolvimento de habilidades estéticas em estudantes em escolas de estética.
  • Atuação em centros de reabilitação: ajudar pacientes a recuperar sua autoestima após acidentes ou doenças em centros de reabilitação.

A Importância da Conformidade com a Legislação

É importante lembrar que, independentemente da forma de atuação escolhida, o profissional da área da estética deve estar em dia com a legislação vigente e seguir as orientações dos órgãos reguladores da área.

Vantagens da Formalização com CNPJ como Profissional de Estética PJ

A formalização do CNPJ pode ser benéfica para profissionais da área da estética que desejam atuar como PJ. Isso inclui maior visibilidade no mercado para seus serviços e a aquisição adquirida ao manter uma equipe de apoio que

2 comments on “Atuar na estética como autônomo, liberal ou abrir empresa?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

onze + 19 =