Contabilidade para clínica de estética

Está pensando em abrir uma Clínica de Estética? Nesse momento várias dúvidas sobre abertura de empresa, como abrir um negócio na área da estética, ou até mesmo sobre o que envolve a Contabilidade para Clínica de Estética, não é mesmo?

Além disso, é necessário estar por dentro de todos os detalhes. Este artigo com certeza irá te ajudar a começar com o pé direito, evitar qualquer tipo de irregularidade e estar de acordo com a Lei.

Afinal, o que preciso saber antes de abrir uma Clínica de estética?

É indispensável conhecer todas as etapas da abertura de uma Clínica de Estética, além de toda a parte legal que envolve a atividade comercial. Dessa forma, você com certeza vai evitar muitos problemas no futuro.

Além disso, um plano de negócios e um bom planejamento tributário são essenciais para a sua empresa.

Chega de enrolação e vamos direto ao ponto? Confira esses tópicos!

Planejamento Tributário

Planejamento Tributário

Você sabe o que é Planejamento Tributário e qual a importância dele para a sua Clínica de Estética?

Como o nome já diz, é literalmente um planejamento. Ele basicamente funciona para reduzir o pagamento de impostos de forma legal, além de evitar penalidades.

Com certeza todo empreendedor deseja encontrar um jeito eficaz de crescer o seu negócio. Por isso é tão importante fazer o Planejamento Tributário para Clínicas de Estética.

O Planejamento Tributário, se feito da forma correta, será desenvolvido de acordo com as necessidades da sua Clínica de Estética. De modo que considerará o formato da Clínica de Estética, os custos desde insumos ou qualquer outra despesa da Clínica, e também suas estratégias de logística, por exemplo.

Um bom Planejamento Tributário, além de identificar a melhor maneira (dentro da lei) de diminuir os valores pagos com tributos, permite abrir a visão de possibilidades da gestão financeira da sua Clínica de Estética.

Regimes Tributários para Clínica de Estética

Mas o que é Regime  Tributário?

Nada mais é do que um sistema que determina como será a cobrança de impostos de cada empresa.

Fora isso, a empresa, que no caso será uma Clínica de Estética, depende de alguns outros fatores, como por exemplo, o porte, atividade que será exercida e também o faturamento.

Portanto, se você decidiu atuar como Pessoa Jurídica, terá três regimes tributários. Eles são: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real.

Além disso, escolher o enquadramento inadequado para a sua Clínica de Estética pode trazer diversos problemas para o seu negócio com a Receita Federal.

Mas quais problemas? Multas e penalidades podem ser aplicadas caso a Receita Federal faça autuações, por exemplo.

Por esse motivo, é necessário que você conheça os regimes tributários e tenha em mente suas características bem esclarecidas, além de quais impostos serão pagos pela empresa.

Simples Nacional para Clinicas de Estética

Simples Nacional para Clinicas de Estética

No Simples Nacional, a parte da tributação é mais simplificada, principalmente por se tratar Microempresas (ME) e Empresas de Pequeno porte (EPP).

Os impostos variam de acordo com o faturamento da sua Clínica de Estética. É indicado para pequenas e médias empresas, isso porque o empreendedor pode faturar até R$4,8 milhões anualmente.

Dentro do Simples Nacional, a Clínica de Estética ficará enquadrada no anexo III ou V e a tributação inicia em 6% em um e 15,5% em outro.

Quais são os impostos que a Clínica de Estética deverá pagar? Eles são:

  • ISS (Imposto sobre Serviços);
  • PIS/PASEP (Contribuição social de natureza tributária);
  • COFINS (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social);
  • IRPJ (Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica);
  • CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido);
  • CPP (Contribuição Patronal Previdenciária).

Lucro Presumido

Agora no Lucro Presumido, os tributos federais, iniciam em 11,33%. A alíquota do ISS (Imposto Sobre Serviço) varia de acordo com o município, podendo ser de 2% a 5%.

O Lucro Presumido pode ser uma boa escolha para Clínicas de Estética que faturam até R$ 78 milhões anualmente.

Nesse modelo de tributação, os impostos são calculados com base na presunção do fisco, ou seja se o lucro da empresa for menor do que a presunção, a empresa pode sair no prejuízo com os valores dos impostos que serão elevados.

No entanto, é necessário prestar atenção se o Simples Nacional não seria mais vantajoso para a Clínica de Estética.

Os impostos nessa modalidade de tributação para Clínica de Estética são:

  • PIS (0,65%);
  • COFINS (3%);
  • IRPJ (15%);
  • CSLL (9%).;
  • ISS (Varia de acordo com o município);
  • ICMS (Varia de acordo com o estado, porém apenas se a empresa comercializar algo).

contabilidade para clinica de estética

Lucro Real

No Lucro Real será um pouquinho diferente, você será tributado de acordo com o seu lucro líquido. Ou seja, quanto menor o lucro, menor o imposto.

Além do mais, é obrigatório para as empresas que faturam acima de R$78 milhões anualmente.

Vale lembrar que o Lucro Real é considerado uma modalidade mais complexa e que demanda de muita organização financeira, por isso vamos falar de uma forma mais simplificada para não lhe confundir.

Os impostos para Lucro Real basicamente são:

  • PIS (1,65%);
  • COFINS (7,6%);
  • IRPJ (15% e 25% quando o lucro for maior a esse valor no mesmo período);
  • CSLL (9%) ;
  • ISS (Varia de acordo com o município);
  • ICMS (Varia de acordo com o estado, porém apenas se a empresa comercializar algo).

Para escolher o melhor regime tributário, é importante contar com a ajuda de uma contabilidade especializada em Clínica de Estética. Dessa forma, você tem orientação suficiente para tomar a melhor decisão possível.

Gestão financeira para a sua Clínica de Estética

Sem dúvidas ter ferramentas de gestão financeira na sua Clínica de Estética é uma das melhores decisões que você pode tomar.

Isso significa que terá mais segurança, controle das movimentações e diminuirá os erros na parte financeira.

Um bom exemplo de gestão financeira para a sua Clínica de Estética é o fluxo de caixa.

No fluxo de caixa você registra todas as contas, tanto a pagar, quanto a receber. Além disso, dentro do fluxo de caixa você também consegue medir a capacidade de pagamento da sua Clínica de Estética.

Outro ponto importante para a sua Clínica de Estética é o capital de giro. Ele controla a capacidade de investimento da sua Clínica de Estética. Além disso, também ajuda você entender o seu ponto de equilíbrio em relação aos custos e faturamento de seu negócio, sabe como?

Contudo, independente do tamanho da empresa, a administração do fluxo de caixa e capital de giro são essenciais para atingir o sucesso do seu negócio, ou o contrário disso, o fracasso.

Lembre-se que uma boa gestão financeira é a alma do negócio!

Assista o vídeo abaixo para entender um pouquinho melhor o que é fluxo de caixa. É bem curtinho e com certeza vai agregar!

Gostou dessas dicas? Se precisar de ajuda em alguma etapa do seu negócio, conte com a Attualize!

A Attualize Contábil é uma contabilidade especializada em Clínica de Estética. Além de oferecermos o serviço completo de abertura de sua clínica ou espaço de estética, utilizamos as melhores ferramentas tecnológicas disponíveis no mercado para entregar aos nossos clientes o melhor resultado possível!

Entre em contato pelo ícone do WhatsApp. Nossa equipe dará o suporte necessário para lhe auxiliar em todos os passos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − oito =